Pandora de linhas

Image

 

Minha mãe chegou, um pouco trêmula, com a pequena caixa nas mãos.  A voz estava meio insegura, comovida.

“O último crochê da sua avó”

Minha garganta fechou. Os olhos embaçaram. Imediatamente. Nem tinha aberto a caixa. Eu sabia o que tinha lá. Sabia que era uma caixa de Pandora. Que eu abriria e toda a triste cena sairia de dentro, como fumaça que se liberta.
Mas era vovó. Ela sempre mereceu minhas homenagens e palpitações. Mesmo que dolorosamente, levantei a tampa. Então, o novelo, as agulhas, a toalhinha inacabada. Minha toalha. A convulsão chorosa. Latente. Eterna. A memória. Dolorosa. Muda.

“Filha, guarda isso, não sei mais fazer”

O olhar perdido no horizonte. As mãos nodosas tentando acertar o ponto, o gesto certo. Mas esse mal é assim: desliga a luz no interruptor do cérebro, pra nunca mais acender. Cada luz de cada cômodo. Um por um. Por mais que pelejasse – seu verbo usual – não mais aconteceria.
Olhei, cuidadosamente, o vermelho amarrado ao novelo da toalhinha. Não ia ter fim. Nem a toalha, nem a dor. Tudo perfeito até aquele último laço e então o blecaute inoportuno.

“Não lembro mais.”

A dor estampada naqueles olhos. A semi consciência da inconsciência lhe tomando. Eu tão ligada a ela, como sempre, como lá, como agora, guardei tudo, como que pra lhe proteger desse baque. Segurei sua mão e olhei dentro da sua alma. E nós duas choramos, silenciosas e secas, como era nosso feitio, quando acompanhadas. Tirou os óculos.

“Já não me servem pra nada, não é? Guarda”

Eles estão aqui, na minha mão. Guardei, pra não molhar de dor tudo, fechei a caixa como se corresse pra salvar minha própria vida. Pandora é uma travessa. Me encruou a alma e molhou meu rosto. Não volta tão cedo pra caixa. A Pandora.
Saudade, Vó. Saudade pra sempre.

Anúncios
Post anterior
Post seguinte
Deixe um comentário

3 Comentários

  1. Nivaldo

     /  21/04/2014

    espero que goste, Cristiane – https://www.youtube.com/watch?v=Tj96QFzOL5Y

    Responder
  2. Agora eu fui de vez :((
    Adorei o texto, Cris!

    Responder
  3. Consegui!!!
    Minha querida irmã de vidas, ver você escrever e forma tão doce e especial, levou-me às lágrimas!
    Lindo seu texto!

    Responder

Conta pra mim aqui --->

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  • Enquanto isso, no Twitter:

    • RT @nilsenne: Anjos viram demônios desde o início dos tempos, não se espante com as pessoas 1 hour ago
    • Me tornei aquilo que temia: a pessoa que diz no-meu-tempo-não-era-assim Hahahahaha 1 hour ago
    • RT @ThatuNunes: Atenção, pais de crianças entre 1 e 5 anos, mesmo as que já foram vacinadas, hoje é o DIA D. Leve-as ao posto de saúde mai… 1 hour ago
    • Meus pais tem alguns costumes conservadores, mas eu olho e vejo que nem tanto. Meu pai fala que eles não davam fals… twitter.com/i/web/status/1… 2 hours ago
  • O que saiu da cabeça por último

  • Tudo que já rolou:

  • Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

    Junte-se a 20 outros seguidores

  • Anúncios
%d blogueiros gostam disto: